#TrendingTopics: laranja é a tonalidade favorita para esse começo de ano

21/01/2011

por | Moda

Edição: Luigi Torre (@luigi_torre)

Das passarelas, para as páginas de revistas, para o tapete vermelho, só dá laranja. E num tom bem fluo, meio ácida. Sabe como? Foi hit nos desfiles do hemisfério norte para o verão 2011. Aí, editoras loucas pelo poder vibrante da cor, encheram os editoriais com a tonalidade. Não demorou muito para celebridades arriscarem com modelos no tapete vermelho. Em solo nacional, o laranja apareceu com considerável força no Fashion Rio e já promete marcar presença no SPFW.

#TrendingTopics: as camisas da vez e suas (des)construções

05/01/2011

por | Moda

Edição: Luigi Torre (@luigi_torre)

Com o eterno jogo do masculino no feminino como um dos principais rumos para o verão 2011 do Hemisfério Norte, a clássica camisa branca surge como peça chave da temporada. O mais legal porém, são suas variações, seja em tecidos molinhos e transparentes, ou em desconstruções de modelagem, decepando mangas, ampliando e deslocando colarinhos, ou simplesmente substituindo esses por grandes laços _afinal os anos 1970 estão com tudo, não é mesmo?

Topshop faz lookbook mega colorido e boêmio

05/01/2011

por | Moda

Que a TopShop havia investido pesado nos anos 1970 a gente já sabia. Afinal, o desfile da Unique _nome sob o qual apresenta sua coleção na London Fashion Week_ veio carregado de tais referências, principalmente nas estampas e modelagens, somados a uma proporção levemente 90′s. A novidade é que toda aquela imagem que _convenhamos_ pesou um pouco na passarela foi repaginada _para ganhar ares bem mais harmonioso_ para o lookbook da marca que acaba de ser divulgado.

Como já era de se esperar a coleção vem lotada de estampas, franjas, handmade, comprimentos maiores, cores vivas e um ar todo bohemian meets urban. Só que agora numa linguagem mais leve, mais street e sempre muito jovem. Falando em linguagem jovem, é interessante notar também como o minimalismo _outro forte rumo da temporada_ foi interpretado pela equipe de estilo. Menos sisudo e austero, aparece em peças com cortes assimétricos, modelagem simples e lindos tingimentos.

As cores, aliás, são o norte da coleção, aparecendo em coordenações inusitadas, degradês, acessórios e… nos cabelos! Como a gente já havia antecipado, os cabelos coloridos estão super acontecendo, e no lookbook da Topshop eles aparecem em ‘frosted tips’, que a gente também já falou aqui. Pra ficar de olho também são os sapatos, que continuam muito altos (indo de encontro ao uso recorrente de sapatos baixos nos desfiles da temporada internacional), com plataformas e até algumas arriscadas nos saltos de acrílico.

Enquanto ainda não temos uma Topshop para chamar de nossa, veja na galeria os looks da nova coleção e inspire-se:

Pela primeira vez em seus 18 anos, grife usa celebridade em campanha

04/01/2011

por | Moda

adcampaign_katespadePela primeira vez em seus 18 anos, a marca americana Kate Spade vai usar uma celebridade em sua campanha para o verão 2011 (a brasileira Martha Streck já fotografou para a grife, em 2009). A escolhida é a atriz ruiva _e californiana_ Bryce Dallas Howard, que participou, entre outros, dos filmes “A Vila”, “Homem Aranha 3” e “Eclipse”.

Bryce, uma assumida devota da Kate Spade, contou ao jornal americano “WWD” que perdeu a cabeça quando recebeu o convite (é a primeira vez que Bryce estrela uma campanha publicitária): “Kate Spade sempre foi o presente que eu esperava de Natal desde meus 15 ou 16 anos. A marca representa um lifestyle que eu sempre amei”.

A presidente da marca e diretora criativa da Kate Spade, Deborah Lloyd contou que estavam procurando alguém que estabelecesse uma parceria e não apenas um “flerte”, e Bryce parecia a escolha perfeita. “Nós a amamos, e ela cresceu com a marca. Ela não é apenas um rostinho bonito. É uma mulher cheia de talentos, que representa a marca muito bem”.

As fotos, sempre muito coloridas e divertidas, agradaram a atriz: “Foi muito divertido, era tudo o que eu gosto de fazer: andar de bicicleta, dançar muito, pular, ser brincalhona e divertida, não senti nenhuma etapa!”. Bryce usa Kate Spade dos pés à cabeça, com exceção das unhas, e aparece com os novos modelos de bolsas da marca, a Scout (tipo carteiro).

bolsa_katespadeOs novos modelos de bolsas da Kate Spade, no estilo ‘bolsa-carteiro’ © Reprodução

Verão 2011: campanhas apostam em imagens simples e poderosas

03/01/2011

por | Moda

O ano de 2010 está dando seus últimos suspiros, mas na moda 2011 é agora.  Enquanto nos preparamos para as temporadas nacionais para o inverno 2011, no hemisfério norte começam a ser divulgadas as imagens das campanhas de primavera-verão 2011 _as quais devem começar circular nas principais publicações do meio entre fevereiro e março.

E o que se pode dizer das imagens que já vazaram? No geral, que a simplicidade que apareceu com um dos principais rumos nas passarelas, acabou migrando para as imagens. A maioria das campanhas do verão 2011 estão mais simples, com casting enxuto (geralmente apenas uma modelo) e fotos feitas em estúdio. As fotos da campanha de Marc Jacobs, inclusive, foram feitas no backstage de seu desfile, na New York Fashion Week, por Juergen Teller. Foco 100% no produto.

marc_januaryCampanha da Marc Jacobs, toda trabalhada nas cores quentes, e a campanha da Versace, com January ‘simplesinha’ usando só bolsa e sandálias © Reprodução

Como já vem acontecendo desde a temporada do inverno 2010, as marcas estão dando preferência para modelos ao invés das celebridades. Das campanhas divulgadas até agora, apenas a linha de acessórios da Versace estampa uma celebridade em seu anúncio, a atriz January Jones, do seriado Mad Men. Entre as modelos, nomes não muito conhecidos dividem os anúncios com tops como Gisele Bündchen para Balenciaga, Carolina Kurkova para Max Mara e Alessandra Ambrósio para Dolce & Gabbana.

Veja abaixo algumas imagems:

RT @portalFFW: relembre as belezas mais incríveis de 2010

28/12/2010

por | Beleza

Entre tantos desfiles (são cerca de 100 em cada semana de moda) que aconteceram em 2010, o Portal FFW selecionou as belezas mais incríveis que atravessaram as passarelas este ano. Seja para copiar em casa ou apenas para inspirar, 10 looks da temporada de inverno, com preto de diversos jeitos, e 10 da temporada de verão, com bastante colorido, constituem nosso RT de beleza.

#TrendingTopics: saias transparentes para fazer a piriguetchy misteriosa

22/12/2010

por | Moda

Edição: Luigi Torre (@luigi_torre)

Que as barras das saias caíram e alongaram-se para bem abaixo do joelho, você provavelmente já sabia. Afinal, esse movimento já vem acontecendo há duas temporadas _inverno 2010 e verão 2011 para ser mais preciso. A novidade agora, é que com as temperaturas em elevação é preciso investir em tecidos mais leves e frescos. Daí surgem os modelos transparentes que além de super refrescantes, contém dose extra de sensualidade _e uma nada óbvia.

#TrendingTopics: ouro puro traz riqueza absoluta para o verão!

16/12/2010

por | Moda

Edição de moda: Luigi Torre (@luigi_torre)

Anna Dello Russo já se declarou fã e é também uma das mais fervorosas early adopters dessa tendência. Eis que para o verão 2011 o look (total ou não) dourado está com força máxima. Para provar que o hype não é puro delírio fashionista, o FFW selecionou algumas imagens de desfiles e estilo de rua mostrando que a cotação do ouro nunca esteve tão alta. Pelo menos na moda.

Confira!

+ Veja também o FFW Vitrine: We Are Golden

A inovação está no fio: menswear avança com novas tecnologias

14/12/2010

por | Moda

rafkremerosklender©Romeuuu

Na moda masculina, existem os obcecados pela reinvenção do terno. E existem os que enxergam um futuro muito mais promissor e libertário.

Raf Simons, Italo Zucchelli para Calvin Klein e Nicolas Ghesquière para Balenciaga há muitas temporadas estão imersos no que há de mais avançado na tecnologia têxtil. Se como disse Suzy Menkes, crítica de moda do “International Herald Tribune”, “a inovação está no fio”, estes estilistas encontram-se na ponta mais vanguardista da moda.

Para o inverno 2010, contudo, suas mensagens acabaram se infiltrando mais profundamente no trabalho de diferentes estilistas da moda masculina. Na Emporio Armani com seu skiwear fluo e gráfico, na Versace com o trabalho de couro modelando o corpo, nas jaquetas esportivas da Bottega Veneta: o futurismo se vez presente das mais variadas formas, muitas vezes através de um sportswear extremamente sofisticado e 100% forward.

Para o verão 2011, a mensagem se propagou com mais força. Jil Sander deu o pontapé inicial com sua cartela de cores ácidas em ternos que parecem ligados no 220V. Ítalo Zucchelli para Calvin Klein ajustou suas camisetas, encurtou-as e falou de um activewear feito sob medida para uma academia do futuro. Rick Owens com seus alteltas monásticos engrossou o coro junto com a nomeação do sempre vanguardista Romain Kremer como estilista masculino da Thierry Mugler sob comando do super stylist Nicola Formichetti.

Em solo nacional, a Redley e a Osklen não ficam atrás com seu sportswear inteligente e a constante pesquisa de novos materiais. Mais recente, temos também a Der Metropol, de Mario Francisco, despontando com uma das grifes masculinas mais desejáveis do momento: sem renunciar a alfaiataria por completo, a grife a coloca a serviço do streetwear.

Com uma postura quase modernista, negando o passado em detrimento do futuro, esses estilistas trazem uma visão otimista sobre os tempos que estão por vir. Assim como André Courréges, Pierre Cardin e Paco Rabanne fizeram na onda Space Age dos anos 1960, essa atual geração usa também novos materiais para criar imagens impactantes, que bebem na fone do estilo de rua aliado ao mais eficiente e sofisticado sportswear.

Make do verão: acenda seus olhos com cores fluorescentes

14/12/2010

por | Beleza

A estação mais quente do ano já está aí e você quer novas referências de beleza para diversificar a sua rotina de maquiagem? Que tal investir no frescor dos olhos fluorescentes?

O FFW fez uma seleção de makes da temporada primavera/verão 2011 de estilistas nacionais e internacionais para você se inspirar.

Confira na galeria!

#TrendingTopics: moda internacional se dobra ao poder dos plissados!

08/12/2010

por | Moda

Edição Luigi Torre

Pleats Please!!! E se depender do verão 2011 que foi mostrado nas passarelas do Hemisfério Norte, nem vamos precisar pedir por favor. Desde Madame Grès _ou melhor, dos gregos antigos_ os plissados são elementos recorrentes na história da moda. Alguns designers até fizeram dele sua assinatura, como foi o caso de Issey Miyake no começo dos anos 1990. Agora, conforme os desfiles da última temporada internacional, estilistas dos mais variados estilos se debruçaram sobre a técnica, levando-a às últimas conseqüências _até um trench-coat ganhou a textura em toda sua superfície.

Confira tudo na galeria:

Vanessa Rozan estrela a campanha de Verão 2011 da Laundry: assista vídeo

06/12/2010

por | Moda

Avessa às tendências e sempre com perfume mezzo rocker, mezzo vintage. Esta é a Laundry, marca idealizada em 2003 por Patrícia Grejanin, que acaba de lançar sua campanha de verão 2011.

Além das fotos, A Laundry lança ainda um vídeo chamado “Spring Love” _dirigido por Rodrigo Marques, também responsável pelos cliques da campanha. “Era uma vontade que sempre tive e é uma forma alternativa de apresentar a coleção. Para mim é igual a quando você escuta uma música assistindo ao vídeo clipe dela, tem outra noção”, contou a estilista.

O styling é de Flavia Lhacer e Carla Boregas, e a beleza assinada por Vito Mariella. Vanessa Rozan, maquiadora, é a estrela da campanha, como já aconteceu outras vezes, pois segundo Patrícia, a beauty artist _além de ser sua amiga (e linda)_ traduz perfeitamente a imagem da loja. O filme conta ainda com a participação do diretor e videomaker Felipe Dall’Anese.

Vanessa Rozan na campanha de Verão 2011, da Laundry © Rodrigo Marques

O verão 2011 da Laundry vem com macacões, saias e bermudas de cintura alta, vestidos estruturados e mais soltinhos, tudo bem ao gosto das meninas. Para montar suas coleções, Patrícia contou que o processo é quase sempre o mesmo: “Vou juntando numa pasta informações, formas, músicas e tudo mais que possa me inspirar, e depois junto tudo e sai a coleção, que dessa vez está muito estampada!”.

Veja na galeria abaixo algumas imagens da nova campanha.

ONDE Galeria Ouro Fino (2º andar lojas 323 e 325)- Rua Augusta, 2690 – Jardim América
COMO CHEGAR Veja o mapa
TEL (11) 3085 0604/ 3062-7987
+ laundrysp.com.br

Começa hoje! O que esperar da 28ª edição da Casa de Criadores

26/11/2010

por | Moda

Começa hoje (29/11) a temporada de moda inverno 2011 no Brasil, com desfiles da 28ª edição da Casa de Criadores no Centro de Convenções do Shopping Frei Caneca nos dias 29, 30 e 01.

O FFW adianta o que esperar das apresentações!

WALÉRIO ARAÚJO

WALeRIO-ARAuJO© Divulgação

O estilista, que abre os trabalhos da CdC, fará uma homenagem aos amigos e parentes que perdeu, numa releitura do luto. O conceito de renascimento e a representação das várias formas de despedida dos mortos praticadas ao redor do mundo vão permear a coleção, que trará muito da estética de moda dos anos 90.

R. ROSNER

RODRIGO-ROSNER_C01© Divulgação

Uma versão atualizada de Lady Chatterley (protagonista do romance erótico escrito em 1928 e proibido de circular até meados dos anos 60) estará nas passarelas de R.Rosner, que contará com roupas esvoaçantes, bordados e transparências. E nada de minimalismos.

DANILO COSTA

DANILO-COSTA© Divulgação

O universo de uma criança e seus amigos imaginários _e fantasias e brincadeiras_ inspirou Danilo Costa nesta coleção. O filme “Onde Vivem os Monstros”, de Spike Jonze _adaptação do clássico da literatura norte-americana, de 1963, escrito e ilustrado por Maurice Sendak_ foi o ponto de partida da coleção, e afirma o caráter lúdico e sentimental das criações de Danilo. “Meu inverno é uma grande brincadeira, com direito a animais como ursos, corujas e unicórnios. Surgem daí minhas duas principais estampas _geleiras e iglus_, e também o trabalho com pelos artificiais”, definiu o estilista.

GERALDO COUTO

GERALDO-COUTO© Divulgação

A Espanha sob as lentes do cineasta Pedro Almodóvar, com suas dançarinas de flamenco, fazem parte das referencias para a coleção inverno 2011 de Geraldo Couto. Pode-se esperar comprimentos curtos, vestidos de silhueta ajustada, e os tons de vermelho, preto e prata bastantes presentes. O estilista vai trabalhar com shantung, seda, tule e renda, além de telas de acrílico com aspecto brilhante.

SUMEMO

A marca que tem streetwear no sangue levará à passarela looks femininos mais elaborados do que as usuais camisetas, jeans e moletons. Quem assina as peças da coleção de inverno da SUMEMO é a dupla Igi Ayedum e Marcelo Salgado, e o styling é de Dudu Bertholini, da Neon, e David Pollack, da D’Arouche.

JACINTO (Lab)

JACINTO© Divulgação

Marca estreante, a Jacinto, dos estilistas Douglas Pranto e Glaucio Paiva, mostrará um inverno focado na androginia, com mistura de masculino e feminino, e leve e pesado. Com predominância do preto e tecidos naturais, como seda e algodão, a marca foca na alfaiataria e camisaria, com estruturas rígidas, porém com transparências, para denunciar as curvas femininas.

JUSS (Projeto Lab)

JUSS© Divulgação

Propondo mix de estampas e texturas, Juliana Souza (a Juss) buscou inspiração nos quadrinhos e na música. Como referências centrais, o personagem Starwatcher, do francês Jean Giraud (também conhecido como Moebius), e as músicas Hunter e Wanderlust, da cantora islandesa Björk, cujas letras falam de um caçador e um viajante em busca do novo. Fazem parte da coleção tecidos com influência indígena e peças práticas, idealizadas para os tais caçadores e viajantes.

GABRIELA SAKATE (Projeto Lab)

Em seu segundo desfile na Casa de Criadores, Gabriela faz uma colagem de transparências, para explorar pesos e tramas. Tudo em silhuetas bem minimalistas e tecidos estruturados, em cores neutras como preto, bege e off – white.

LUIZ LEITE (Projeto Lab)

O estilista que tem apelo sustentável traz coleção inspirada nos lavradores _idéia que surgiu quando ele observava o plantio do algodão. Assim, pode-se esperar uma coleção que retrata o homem do campo e todas as suas referências, como luvas, chapéus e sobreposições. A alfaiataria representada por Luiz Leite foi feita por alfaiates do interior de São Paulo, que têm como público os próprios trabalhadores rurais.

CYNTHIA HAYASHI (Projeto Lab)

CYNTHIA-HAYASHI© Divulgação

Com inspiração nos sonhos, sejam os que temos dormindo ou acordados _e nas dúvidas, fragilidades e associações, nem sempre lógicas, trazidas por eles, Cynthia aposta em tecidos transparentes e opacos. Além disso, a estilista vai trabalhar com peças intercambiáveis, cujas partes unidas por zíperes podem ser utilizadas em outros looks, em referência à construção e desconstrução de fatos e mensagens que acontecem enquanto dormimos.

ALE BRITO

ALE-BRITO© Divulgação

Outro estreante no line-up da Casa de Criadores, Ale Brito, estilista, DJ e club kid, já trabalhou com a marca As Gêmeas durante quatro anos, e agora, em sua coleção individual, traz o punk rock como principal influência. Couro, vermelho, azul, preto e branco estarão presentes na passarela, tanto para homens, quanto para mulheres.

JADSON RANIERE

Soldados, guerreiros e gladiadores estarão na passarela de Jadson Raniere. O estilista vai usar nylon e couro para fazer peças rígidas e estruturadas, com cartela de cores enxuta, com preto, off white, tons de ferrugem e bronze, revelando a forte influencia da indumentária bélica na coleção.

GUSTAVO SILVESTRE

Gustavo Silvestre reflete preocupação ambiental e seu interesse pela miscigenação cultural brasileira em sua coleção do inverno 201. O estilista constrói roupas com materiais reciclados, desmonta calças jeans (em parceria com a marca sustentável “Será o Benedito?”) e cria silhuetas femininas com volumes diferenciados. As apostas de cores são o rosa, vinho e ocre, e muitos bordados. Uma linha de bijuterias, chamada Ananaíra, também será lançada no desfile com a mesma proposta.

KARIN FELLER

KARIN-FELLER_02© Divulgação

Com a coleção “Wake Up Call”, Karin Feller retrata a fauna e flora noturnas, como corujas, lobos e damas-da-noite. A escolha dos tecidos combina materiais fluidos com estruturados, neutros com coloridos e bastante verde militar.

WEIDER SILVEIRO

As memórias nordestinas do estilista são a base da coleção de inverno 2011 de Weider Silveiro. A inspiração vem de Raimundo Jacó, figura bondosa, inteligente e corajosa que, após despertar admiração e inveja como vaqueiro, acabou sendo assassinado em meio à caatinga e velado apenas por seu cão. As referências aparecem por meio de casacos e vestidos feitos em tecidos como tricoline, voil, couro sintético e malha de lã. As cordas, elementos indispensáveis à atuação do vaqueiro, e arabescos também estão presentes.

oNONO

onono© Divulgação

O projeto comandado por Ad Ferrera, que participa pela 4a vez da Casa de Criadores, apresenta sua coleção na passarela pela primeira vez _em edições anteriores, o projeto promoveu instalações e eventos em paralelo ao calendário de desfiles. Intitulada Axé, a coleção reúne uma miscelânea de cores e estampas em peças urbanas e unissex. O tema é “um exercício criativo de observação, apropriação e deformação de estéticas e linguagens consideradas típicas brasileiras, retratadas de maneira pop”, contou o estilista. Os destaques são o jeanswear revisitados e peças-estampa (roupas com modelagem no formato da estampa).

DER METROPOL

O estilista Mario Francisco, nome por trás da Der Metropol, encerra a programação da 28ª Casa de Criadores com coleção inspirada na animação japonesa “A viagem de Chihiro”. A marca pretende reforçar o caráter pop de suas criações por meio de materiais ultra coloridos e não têxteis. O japonismo dos anos 90 e as transparências em preto também estarão presentes.

As marcas Rober Dognani e Arnaldo Ventura não enviaram informações de suas coleções até o fechamento desta matéria.

Sr. Ford volta a debater o “timing” da moda com preview de sua coleção secreta

17/11/2010

por | Moda

tomford3

O feriado de 15 de novembro terminou _pelo menos para os fashionistas_ com a notícia de que a coleção feminina de Tom Ford havia finalmente sido revelada. Desfilada à portas fechadas durante a semana de moda de Nova York, a apresentação foi um dos mais comentadas, nem tanto pelas roupas que apenas 100 pessoas puderam ver bem de perto, mas sim pelo fato de Ford ter exigido a ausência de câmeras de foto ou vídeo, com exceção de Terry Richardson, que foi contratado especificamente para registrar o momento.

O furo veio via “Vogue” (a americana, claro), que publicou em seu site entrevista + ensaio com o estilista clicado por Steven Meisel, onde pode-se ver pela primeira vez _nitidamente_ as roupas que compõem seu verão 2011. Na matéria, Ford, que pede para ser chamado de agora em diante de Sr. Ford, reacende o debate sobre o timing da moda com depoimentos tipo: “Eu não entendo porque todos precisam ver tudo online um dia após o desfile. Eu não acho que sirva o consumidor, que é o principal foco do negócio”.

Sr. Ford ainda reclamou da relação maluca _lançada por ele próprio nos anos áureos da Gucci nos anos 1990_ que a moda mantém com celebridades. Vestindo-as para quase todo e qualquer evento apenas como mídia para uma coleção recém-desfilada e que demoraria ainda 6 meses para estar disponível para o consumidor.

tom-ford

O estilista agora vem mais focado no negócio como um todo. Sem disponibilizar dos recursos infinitos de um grupo como a PPR (detentor da Gucci e outras marcas de luxo, como YSL, Balenciaga e Bottega Veneta), Sr. Tom investe em privacidade e exclusividade. “É sobre individualidade. Roupas reais, mulheres reais. Eu quero que seja um lugar em que a mulher saiba que poderá ir quando quiser uma ótima jaqueta _não uma jaqueta cara e falsa, mas algo que tenha valor intrínseco. Eu não acho que a moda tenha que mudar a cada 5 minutos. Eu gostaria que essas fossem roupas para se usar ao longo do tempo _ durante 10, 20 anos_, roupas que a mulher possa passar para sua filha”.

Sobre a coleção extremamente luxuosa e sofisticada, Ford explica que tem mais a ver com seu trabalho na Yves Saint Laurent, do que o glamour extra-sexual que imprimiu na Gucci. Da vibe YSL brota o clima 70s _atual paixão de Ford_ completo com estampas animais, muito brilho, e as calças amplas e blusas de seda decotadas que se tornaram sinônimo de seu estilo. Sua recente obsessão pela beleza pura dos objetos confere às peças algo  único em termos de acabamentos manuais, quase como se fossem itens de alta-costura.

Enxuta, para manter a exclusividade, a coleção será vendida apenas nas suas 16 lojas masculinas espalhadas pelo mundo. Isso até a próxima temporada, para a qual já está em negociação com grandes lojas de departamento. Sobre o desfile fechado, Ford diz que não haverá mais. O lançamento de seu verão 2011 foi um evento único, já que as coleções futuras poderão ser vistas apenas por hora marcada em seu showroom que fica em Londres. Ah, e somente por compradores e editores de moda selecionados _nada de repórteres ou blogueiros. Por enquanto.

+ vogue.com

+ Erika Palomino fala sobre o desfile fechado de Tom Ford

“Dourado é o novo preto”, diz Anna Dello Russo

01/11/2010

por | Moda

WGSN pode não ter listado, dentre suas várias cores para o Verão 2011, o dourado. Mas isso não impede Anna Dello Russo, a rainha dos fashionistas, de declarar, taxativa: “Dourado é o novo preto”.

txt-anna-dello-russo-3Anna Dello Russo de dourado em vários momentos ©Reprodução

Em uma entrevista ao NOWNESS, a editora da “Vogue Nippon” explicou sua obsessão com a cor: “Sempre amei dourado desde pequena. Agora adoro roupas douradas, cabelos dourados. Tem tanta ressonância na arte, na música e na história também. Meu herói histórico favorito é Tutancâmon, o egípcio. Ele usava ouro, numa casa de ouro, e ainda dorme numa vestimenta de ouro.”

txt-anna-dello-russo-douradMais do duo: as unhas do pé, na capa da “10 Magazine” e o frasco de seu primeiro perfume, Beyond ©Reprodução

E de fato, ela gosta mesmo: quando não veste a cor, veste em alguém (frequentemente Alessandra Ambrósio) para campanhas e editoriais. Seria o dourado amado de Anna mais um reflexo da ode ao excesso do Verão 2011?

txt-anna-dello-russo-2Alessandra reluzindo em dois editoriais para a “Vogue” japonesa de novembro e de dezembro ©Reprodução