Conheça o Pinterest, a nova rede social que está dando o que falar

09/02/2012

por | Cultura Pop

Um board do Pinterest, só de organização de casamentos ©Reprodução/Pinterest

Lembra-se de quando éramos crianças, do painel de cortiça no quarto onde se espetava com um pin as coisas que gostávamos como recortes de revistas, fotos com amigos, e tantas outras coisas? Então, o Pinterest é quase a mesma coisa, mas online e mais organizado. Lançado em março de 2010, o Pinterest, rede social de compartilhamento de imagens cujo nome é uma junção de pin (alfinete) com interest (interesse), é a rede do momento, que em agosto do ano passado já tinha sido listado pela revista “Time” como um dos 50 melhores sites de 2011. E promete continuar a crescer. De acordo com as estatísticas de sites especialistas em mídias digitais, o Pinterest, queridinho de noivas, fashionistas e chefs, ultrapassou em janeiro deste ano, com 11 milhões de visitas por semana, o YouTube, LinkedIn, MySpace e Google+.

A equipe jovem que trabalha no Pinterest, incluindo os seus fundadores Paul Sciarra, Evan Sharp e Ben Silbermann ©Reprodução

O objetivo do site, segundo a sua equipe de jovens gestores de Palo Alto, Califórnia, é conectar as pessoas por meio das coisas que elas acham interessantes ou curiosas. Um livro, uma fotografia, uma receita de culinária, ou uma frase inspiradora podem criar um laço entre duas ou mais pessoas. Com milhões de pins adicionados todas as semanas, o Pinterest está construindo uma rede de conexão de gostos e interesses em comum.

Marcas como Gap e Kate Spade, lojas de departamento como a Bergdorf Goodman, canais de televisão, jornais e revistas já se deram conta do poder de compartilhamento do Pinterest e já investem em construir a sua imagem ou vitrine (no caso das lojas) em mais uma rede social.

E não são só as marcas que apostam no site. Vários rostos conhecidos do mundo da moda, como Michael Kors, Nina Garcia e a modelo Coco Rocha já são usuários da rede que quase diariamente faz uma curadoria do mundo cibernético para nos mostrar aquilo que lhes interessa. Sabia que Michael Kors é super ligado no tema “comida saudável”? Nós também não, descobrimos vendo o board “Eat” que ele mantém no Pinterest.

O perfil do Pinterest de Nina Garcia, com vários boards divididos por temas ©Reprodução

O processo de entrada na rede é simples. Antes de mais nada é necessário criar uma conta – ou solicitando um convite diretamente no site, ou pedindo um a alguém que já tenha conta na rede — sendo que este último jeito é o mais rápido. Depois da conta criada, que passa por um processo opcional de vinculação ao Facebook (que deverá estar já na sua versão Timeline) ou ao Twitter, já pode começar a fazer os seus “pins” no seu pinboard (quadro de pins). Você também pode seguir outros usuários, comentar, colocar likes e dar re-pin (compartilhar) nos pins de outras pessoas. Pode ainda colocar o botão de “Pin” no seu browser de internet e clicar nele para ir direto para o seu perfil no Pinterest.

O convite quando feito por um outro usuário, para se juntar ao Pinterest ©Reprodução

O pinboard pode ser organizado por vários quadros com temas diferentes. Você pode criar qualquer tema, desde casamentos a comidas ou roupas e estilos, para tornar mais fácil a navegação e a organização do seu quadro de pins. A vantagem é que quando for seguir outra pessoa, você pode optar por seguir só os quadros que são do seu interesse, e não todos.

Fazer um pin é fácil. Clique em “add pin”, no canto superior direito, copie e cole o link do site que quer partilhar e pronto, pin criado. Sempre que você der um re-pin ou alguém der re-pin no seu pin, o link do conteúdo original vai junto, como forma de proteção de direitos.

O quadro de opções que aparece ao clicar em “add pin” ©Reprodução

Você também pode baixar o aplicativo para iPhone na App Store.

Bons pins!