Carla Valois

- Google +

Apesar de graduada em Direito, optou por trabalhar como jornalista, profissão pela qual é apaixonada desde a adolescência. Encantada por animais – em especial gatos e dachshunds, aqueles cães-salsicha – é conhecida por fazer amizade com todos os habitantes de quatro patas das ruas do Itaim Bibi, em São Paulo.

Alexander Wang participa de iniciativa de incentivo ao uso de lã de carneiro

20/08/2013

por | Moda

©Annie Leibovitz/Reprodução

Alexander Wang é o novo embaixador da campanha “Merino Wood: No Finer Feeling™”, da The Woolmark Company, que foi fotografada por Annie Leibovitz. A campanha promove o uso de lã de carneiros da raça merino, considerada a mais nobre para confecção de vestimentas e artigos de decoração.

Antes de Wang, que usou a tal lã em sua coleção de Outono/Inverno 2013, o estilista Narciso Rodriguez era o porta-voz da campanha. Além de incentivar a utilização do tecido, “Merino Wood: No Finer Feeling™” busca compartilhar sua versatilidade. “Tenho usado a lã [de carneiros] Merino desde que comecei. A colaboração com a Woolmark foi natural”, revelou Wang, adicionando que a respectiva matéria-prima tem “fortes credenciais ambientais, é moderna e relevante”.

De acordo com a “Vogue” britânica, a The Woolmark Company já trabalhou com Vivienne Westwood, Marc Jacobs e Giorgio Armani, enquanto Diane von Furstenberg, Donatella Versace e Victoria Beckham já foram juízas do International Woodmark Prize.

Com foto de Annie Leibovitz, campanha da M&S tem Grace Coddington como estrela

19/08/2013

por | Moda

Fotografia da campanha “Britain’s Leading Ladies”, da Marks & Spencer ©Annie Leibovitz/Reprodução

A Marks & Spencer divulgou nesta segunda-feira (19.08) a prévia de sua campanha de Outono/Inverno 2013/14, fotografada por Annie Leibovitz em Londres. A campanha, chamada “Britain’s Leading Ladies”, traz 12 britânicas com “diferentes backgrounds e profissões, que representam o melhor” do Reino Unido, segundo a própria rede varejista.

Entre as protagonistas de “Britain’s Leading Ladies” estão a atriz Helen Mirren, 68, a diretora criativa da “Vogue” americana, Grace Coddignton, 72, a modelo Karen Elson, 34, a cantora Ellie Goulding, 26, e artista Tracey Emin, 50. Como se vê nas imagens previamente liberadas, as novas “embaixadoras” da Marks & Spencer aparecem em paisagens tipicamente britânicas: um barco no rio Tâmisa, à frente da Tower Bridge, por exemplo, ou sentadas no campo, com a participação de uma pequena ovelha.

Fotografia da campanha “Britain’s Leading Ladies”, da Marks & Spencer ©Annie Leibovitz/Reprodução

Fotografia da campanha “Britain’s Leading Ladies”, da Marks & Spencer ©Annie Leibovitz/Reprodução

“Queríamos que esta campanha assinalasse uma voz nova e confiante”, afirmou Patrick Bousquet-Chavanne, diretor executivo de marketing da Marks & Spencer. De acordo com o “WWD”, a campanha será lançada oficialmente no dia 3 de setembro.

+ Assista ao teaser da campanha:

Moda, cobiça e juventude: “The Bling Ring”, de Sofia Coppola, estreia no Brasil

16/08/2013

por | Cinema

Taissa Farmiga, Israel Broussard, Emma Watson, Katie Chang e Claire Julien, protagonistas de “The Bling Ring”, de Sofia Coppola ©Reprodução

The Bling Ring”, quinto longa-metragem dirigido por Sofia Coppola, estreia neste fim de semana (16 de agosto) no Brasil e foi rebatizado como “Bling Ring: A Gangue de Hollywood”. O filme, baseado no artigo “The Suspects Wore Louboutins”, escrito por Nancy Jo Sales e publicado em 2010 na “Vanity Fair”, acompanha, sem julgá-los, cinco jovens bonitos e de classe-média que, sedentos por luxo, passam a assaltar casas de celebridades em Los Angeles.

O roteiro de “The Bling Ring”, adaptado pela própria Coppola, revisita fatos reais, que aconteceram em Los Angeles entre outubro de 2008 e agosto de 2009, quando quatro meninas e um rapaz, todos na faixa dos 19 anos, invadiram e furtaram as residências de Paris Hilton, Lindsay Lohan, Megan Fox, Rachel Bilson, Audrina Patridge e Orlando Bloom. Bastante comparado com “Spring Breakers”, de Harmony Korine, o filme mostra personagens movidos por cobiça, insatisfação e, sobretudo, imprudência.

Rebecca (Katie Chang), Nicki (Emma Watson), Sam (Taissa Farmiga), Chloe (Claire Julien) e Marc (Israel Broussard) vivem em Los Angeles, cultuam celebridades e querem bolsas Hermès e vestidos Balmain e Versace. O acesso à educação não os previne da alienação e o desejo – de consumo, mas também de autoafirmação – é maior que quaisquer limitações morais. E tudo parece tão fácil, que é impossível não repetir: ao assaltar a casa de Paris Hilton, que, inclusive, a cedeu para as filmagens, eles encontram a chave de entrada no tapete de uma das portas. De lá, levam acessórios, cosméticos e roupas; transportam-se para o almejado “mundo dos ricos e famosos”.

Pôster de “The Bling Ring”, dirigido por Sofia Coppola ©Reprodução

Toda a informação utilizada para assaltar as casas, no filme e no que aconteceu na “vida real”, foi obtida através da internet – de sites de fofocas como “TMZ” e do Google Maps. Os bens provenientes dos furtos vestem os cinco protagonistas e financiam festas em baladas caríssimas, frequentadas pelas próprias celebridades surrupiadas; as fotografias que tiram enquanto bebem e comemoram, claro, vão parar no Facebook, e o ciclo continua até que sejam pegas pela polícia.

De acordo com críticas do “Huffington Post” e da “Vanity Fair”, “The Bling Ring” possibilita ao espectador tirar suas conclusões, já que a diretora se nega a fazê-lo. A “Vogue” britânica, por exemplo, questiona: “De quem é a culpa pelo materialismo descarado deles [dos protagonistas], de seus pais ou do meio que os cerca? E quem são as reais vítimas?”.

Emma Watson, com vestido Versace, em cena de “The Bling Ring” ©Reprodução

Quanto ao figurino, produzido por Stacey Battat para contemplar as diferentes personalidades dos protagonistas, o filme traz desde tops cropped, casacos de pelo e shorts e vestidos justíssimos, inclusive modelos Hervé Leger, a bolsas Hermès e colares de pérolas. Saltos altos, no entanto, são quase onipresentes. Em entrevista, Battat contou que “olhou toneladas de “Us Weeklys” antigas”, já que “The Bling Ring” se passa, em sua maioria, em 2009, e que Los Angeles a inspirou bastante. Ela disse ainda que até as joias são reais e que só a Bulgari emprestou US$ 15 milhões (R$ 33 milhões) em acessórios.

A evolução de estilo de Rebecca, Nicki, Sam e Chloe é notável, mas, segundo Battat, foi mesmo Marc que mais mudou ao longo do filme. “Ele teve a maior transição, em termos de figurino. Eu tentei pensar o que faria um garoto de Los Angeles com todo aquele dinheiro”, ela revelou, adicionando que buscou referências em peças de Balmain, Comme des Garçons e Lanvin. Todas as marcas mais desejadas estão em “The Bling Ring” e, ao assisti-las “em movimento” no longa-metragem, compreende-se com mais facilidade por que alguns chegam a extremos para tê-las.

Drops: a campanha da H&M com Gisele, a pop-up da Melissa, a mostra de Fause Haten e mais

15/08/2013

por | Moda

Gisele Bündchen na campanha de Outono/Inverno 2013/14 da H&M ©Reprodução

A H&M divulgou nesta quarta-feira (14.08) as fotografias de sua campanha de Outono/Inverno 2013/14, estreladas por Gisele Bündchen e produzidas em Londres, Inglaterra. A modelo aparece com cabelos soltos, volumosos e ondulados, e maquiagem bem leve, enquanto no styling, as roupas vêm em cores neutras, com tons de bege, off-white, verde militar e azul marinho.

A coleção de Outono/Inverno 2013/14 da H&M chega às lojas da marca no fim deste mês.
__________________________________________________________________________________________

Loja pop-up da Melissa em Miami ©Divulgação

A Melissa inaugurou recentemente uma loja pop-up na Lincoln Road, 830, em Miami, Estados Unidos. O espaço, que deve ser mantido até julho de 2014, traz as principais coleções da marca, incluindo os modelos idealizados por Karl Lagerfeld, diretor criativo da Chanel.
__________________________________________________________________________________________

Fause Haten e uma das marionetes que estão expostas no shopping Morum, em São Paulo ©Divulgação

A partir desta quinta-feira (15.08) até o dia 26 de agosto, o shopping Morumbi, em São Paulo, hospeda a exposição “O Mundo Maravilhoso do Dr. F”, que traz as marionetes e os vestidos em miniaturas que Fause Haten apresentou na última edição do SPFW. A entrada da mostra é gratuita e, após seu período de exibição, seguirá para Porto Alegre, Brasília e Curitiba.

Ainda este mês, Haten ganha mostra no Senac Lapa Faustolo, no bairro da Lapa, em São Paulo, que será inaugurada na próxima terça-feira (20.08) e dura até o início de setembro. No mesmo dia da abertura, o estilista faz palestra na instituição; para participar, basta inscrever-se pelo site (clique aqui) ou pelo telefone (11) 2185-9800.
__________________________________________________________________________________________

Peças da coleção da Levi’s® em parceria com a Liberty ©Divulgação

Em colaboração, a Levi’s® e a Liberty desenvolveram uma coleção cápsula, composta por 15 peças que unem a expertise de ambas: denim e estampas florais. O estúdio de design da marca londrina, Liberty Art Fabrics, idealizou estampas exclusivas para a parceria, que desembarca no Brasil na segunda quinzena deste mês.

De acordo com Fabiana Souza, gerente de marketing da Levi’s® no país, o resultado da parceria é “extremamente” feminino e delicado e “tem a cara do verão brasileiro”.
__________________________________________________________________________________________

©Divulgação

A galeria Urban Arts, em São Paulo, apresenta a partir desta quinta-feira (15.08) a exposição “Ponto Cruz”, parceria entre o estilista Douglas Harris e o artista plástico Thiago Verdeee. A mostra propõe um dialogo entre arte e moda: 18 pinturas de Verdeee estampam 20 modelos de camisetas criadas por Harris, que também estão em exibição no local. “Ponto Cruz” fica em cartaz até o dia 23 de agosto e tem entrada gratuita.

Últimos dias: não perca a mostra com filmes e fotos de Larry Clark, em cartaz no MIS

15/08/2013

por | Cultura Pop

Leda”, fotografia que faz parte da mostra “Ralph Gibson & Larry Clark – Amizade, fotos e filmes” ©Ralph Gibson/Divulgação

O Museu da Imagem e do Som (MIS), em São Paulo, está com a exposição em cartaz “Ralph Gibson & Larry Clark – Amizade, fotos e filmes”. A mostra, que fica até o dia 28 de agosto, traz imagens e vídeos produzidos por ambos, amigos desde 1967, além de exibir sete longas-metragens dirigidos por Clark, inclusive “Kids” (1995), “Ken Park” (2002) e o recém-lançado “Marfa Girl”, de 2012.

De acordo com a curadora Nessia Leonzini, a mostra traça um paralelo entre as produções audiovisual e fotográfica de Gibson e Clark entre as décadas de 1960 e 2000. Ela afirma que, apesar da notória diferença entre a obra dos dois, a vida de ambos permanece interligada há mais de 50 anos. Lá é possível conhecer mais profundamente a estética de Clark, dominada quase sempre em branco e preto e por retratos de jovens marginalizados e viciados em drogas, enquanto Gibson foca, a princípio, em retratos com viés erótico.

Em “Ralph Gibson & Larry Clark – Amizade, fotos e filmes”, encontram-se, inclusive, imagens publicadas por Clark no livro “Tulsa”, que ele lançou em 1971 e que, de modo amplo, é a semente de sua – polêmica – produção cinematográfica. Gibson, por sua vez, é menos conhecido do público, mas já recebeu diversas premiações por seu trabalho, como a Grande Medaille de la Ville d’Arles, em 1994, e publicou 30 coletâneas.

“Ralph Gibson & Larry Clark – Amizade, fotos e filmes” @ MIS, São Paulo
De 27 de junho a 26 de agosto
Avenida Europa, 158, Jardim Europa, São Paulo
Entrada: R$  6 (inteira), R$  3  (meia)
(11) 2117-4777

+ Veja na galeria abaixo mais imagens presentes na exposição:

Ralph Gibson e Larry Clark-amizade fotos e filmes
©Ralph Gibson/Divulgação
''Bastienne'', de 1987

Assista ao curta de fantasia da Rodarte, produzido em parceria com o The Creators Project

14/08/2013

por | Moda

©Reprodução

Em parceria com o The Creators Project e com o diretor Todd Cole, a Rodarte lançou nesta semana o curta-metragem “This Must Be the Only Fantasy”. O filme, que tem pouco mais de 12 minutos, mistura elementos Sci-Fi, com alusão à estética de jogos eletrônicos e de RPG, a uma atmosfera que remete àquela de clássicos cult dos anos 1980, como “Os Goonies” e “Clube dos Cinco”, ambos de 1985.

“This Must Be the Only Fantasy”, gravado em Los Angeles, traz no elenco o ator Elijah Wood e a modelo Guinevere Van Seenus, mas é protagonizado pela novata Sidney Williams, que interpreta Lora. O curta-metragem é a terceira colaboração entre as irmãs Kate e Laura Mulleavy, fundadoras da Rodarte, e Todd Cole, e a primeira com o The Creators Project; a trilha sonora foi composta pela dupla Beach House.

“Vejo as roupas de Kate e Laura [Mulleavy] como um ponto de partida, de onde posso criar um mundo para que elas existam”, comentou Cole em entrevista à edição americana da “Elle”. O figurino usado por Williams foi retirado da coleção de Primavera/Verão 2013 da Rodarte, enquanto que a turma de adolescentes que aparece no início de “This Must Be the Only Fantasy” parece vestir trajes mais simples e cotidianos.

+ Assista abaixo ao curta-metragem “This Must Be the Only Fantasy”:

Peter Lindbergh e Patrick Demarchelier clicam calendário Pirelli 2014; veja a prévia

13/08/2013

por | Moda

Miranda Kerr, Helena Christensen, Karolina Kurkova, Alessandra Ambrósio, Alek Wek e Isabeli Fontana ©Reprodução

Em 2014, a Pirelli comemora os 50 anos de seu calendário. Para a edição de aniversário, a marca convidou os fotógrafos Patrick Demarchelier e Peter Lindbergh para clicar, em Nova York, as modelos Alessandra Ambrósio, Isabeli Fontana, Alek Wek, Helena Christensen, Karolina Kurkova e Miranda Kerr. No último domingo (11.08), vazou na internet uma prévia do ensaio, em que as seis beldades podem ser vistas em clima bastante descontraído.

As imagens oficiais serão divulgadas apenas nos últimos meses do ano, mas, levando-se em conta a estética de Lindbergh, veremos lindas fotografias em branco e preto. Ele já produziu o calendário da Pirelli em 1996 e 2002, enquanto Demarchelier o fez em 2005 e 2008.

Em 2012, o fotojornalista Steve McCurry foi o responsável por clicar todo o calendário Pirelli, que trouxe imagens com menos sensualidade e mais cunho social, algumas, inclusive, feitas no Brasil.

+ Veja abaixo mais imagens da prévia do calendário Pirelli de 2014:

Calendário-Pirelli-2014-Alessandra-Ambrosio-Helena-Christensen-Karolina-Kurkova-Miranda-Kerr-Isabelli-Fontana-Alek-Wek
©Reprodução
Alessandra Ambrósio, Miranda Kerr, Helena Christensen, Karolina Kurkova, Alek Wek e Isabeli Fontana

Cara Delevingne: relembre a sua trajetória e entenda por que todos amam esta top

09/08/2013

por | Gente

Cara Delevingne em campanha da Burberry ©Jacob Sutton/Reprodução

Outro dia notamos no Instagram, em uma fotografia postada pela stylist Katie Grand de uma imagem de Cara Delevingne, que os comentários eram totalmente opostos. Alguns diziam: “Quem ainda aguenta esta menina?”; enquanto outros falavam: “Linda! Rosto da estação!”. Bom, o fato é que ela continua sendo uma das preferidas de estilistas e stylists mundo afora. É só olhar os desfiles da semana de moda de Londres, que terminam nesta terça-feira (19.02) e notar sua presença em quase todos os desfiles que importam, muitas vezes abrindo as apresentações. Leia aqui nossa entrevista com a modelo, em sua passagem por São Paulo em 2012.

Foi em fevereiro de 2012 que a revista francesa “Jalouse” anunciou Cara Delevingne como “a nova Twiggy”. À parte à nacionalidade britânica, a modelo compartilha com sua predecessora o rosto de boneca, os grandes olhos claros e os fios dourados: a beleza clássica e o jeito divertido encantaram Christopher Bailey, diretor criativo da Burberry, que escalou a moça de apenas 20 anos para representar a marca em campanhas publicitárias, desfiles e agora também em eventos internacionais.

A ascensão meteórica de Cara é, indubitavelmente, ligada à Burberry já que, antes de desfilar para a marca em sua coleção de Outono/Inverno 2011, ela só havia aparecido brevemente em um editorial da revista “LOVE”, em 2009. Após a estreia nas passarelas de Londres, a modelo ainda foi convidada para estrelar as campanhas da linha de vestuário e beleza de Primavera/Verão 2012 da Burberry, que foram sucedidas pelos anúncios das temporadas posteriores e por aparições nas páginas de veículos como “W”, “Vogue”, “i-D” e “Russh”.

Cara Delevingne nas capas da “i-D”, de agosto de 2012, e “Tush”, de junho de 2012 ©Reprodução

Apesar dos holofotes internacionais só terem se voltado para Cara a partir do destaque conquistado na Burberry, Cara nasceu e cresceu em meio à opulência, que é tão familiar à moda. Filha de um agente imobiliário e uma personal shopper (que hoje trabalha para a Selfridges) – e irmã da socialite Poppy Delevingne –, Cara foi criada em uma mansão em Belgravia, distrito de Londres, e sempre conviveu com a alta sociedade britânica, além de viajar com frequência muito antes de se tornar modelo; o Rio de Janeiro, aliás, é citado em inúmeras entrevistas como seu lugar preferido e foi onde aterrissou em agosto do ano passado para fotografar um editorial para a “Vogue” brasileira.

Cara Delevingne para o press kit da coleção de Cruise 2013 da Chanel ©Karl Lagerfeld/Reprodução

Além da Burberry, em sua primeira temporada completa Cara já desfilou para marcas como Chanel, Jason Wu, Oscar de la Renta, Stella McCartney, Fendi e Dolce & Gabbana. Karl Lagerfeld, inclusive, escolheu a britânica para ser fotografada para o lookbook da coleção Cruise 2013 da Chanel, o que por sinal também aconteceu com a Dsquared2. Desde que “estourou”, ela não parou e pelo jeito, continua com fôlego firme e forte.

Fotografia que Cara publicou em julho no Twitter ©Reprodução

Descrita pela imprensa e pelos amigos como dona de bom humor constante, Cara adora aparecer em fotografias fazendo caretas e é muito ativa no Twitter, sempre divulgando imagens de suas aventuras internacionais. Em sua descrição na rede social, a modelo se define como “ser humano profissional” e afirma que “ama sobrancelhas e tocar bateria”; com tanto carisma – e uma beleza indiscutível – dá para entender porque ela ainda é o rosto da estação, mais uma vez.

+ Veja abaixo mais imagens da carreira de Cara Delevingne:

Coach produz modelo exclusivo da Barbie com os acessórios do Verão 2013; veja as imagens

08/08/2013

por | Moda

A Barbie com acessórios e roupas da Coach ©Reprodução

A Coach divulgou nesta quinta-feira (08.09) fotografias da parceria que recentemente realizou com a Mattel: a criação de uma Barbie, em versão que será lançada apenas para colecionadores. A boneca – produzida com cabelos pretos e olhos mel – vem com roupas e acessórios iguais aos da coleção de Primavera/Verão 2013 da marca, exceto que, para ela, foram produzidos em miniatura.

De acordo com o “WWD”, a Mattel produziu, no total, 13 mil bonecas Barbie na versão idealizada pela Coach, que a venderá em suas lojas por £ 95 (R$ 337). Outro detalhe é que as bolsas dessa versão para colecionadores foram confeccionadas em couro e nas mesmas fábricas que produzem as de tamanho real, carros-chefes da marca americana.

A colaboração da Coach com a Mattel segue a empreendida pelas marcas britânicas Fred Butler, Sister by Sibling e Nasir Mahir, que criaram suas próprias versões da boneca Barbie; o resultado dessa parceria, aliás, foi revelado nesta segunda-feira (05.08).

+ Veja na galeria abaixo mais imagens da Barbie com acessórios e roupas da Coach:

Coach-Barbie-2
©Reprodução
A Barbie com acessórios e roupas da Coach
Tags: ,

Oliver Peoples, marca de óculos hit e adorada por celebridades, desembarca no Brasil

07/08/2013

por | Moda

Jennifer Aniston, Kanye West, Johnny Depp e Robert Downey Jr com modelos de óculos da Oliver Peoples ©Divulgação

Fundada em 1986 na Califórnia, a Oliver Peoples tornou-se conhecida por suas parcerias com celebridades, como a realizada em 2009 com Zooey Deschanel, e com grifes de alto luxo e de vanguarda — vide as coleções cápsulas que produziu para a Balmain e para a japonesa TheSoloIst, do designer Takahiro Miyashita. Neste mês, a marca chega ao Brasil, inicialmente com pontos de venda em Porto Alegre e em São Paulo.

Usados por Jennifer Aniston, Kanye West, Johnny Depp e Robert Downey Jr, os óculos da Oliver Peoples são considerados referência em design e o fato de não possuírem quaisquer logomarcas os tornam ainda mais desejados. A maioria das armações, inclusive as com lentes escuras, traz acabamentos discretos e, em geral, são confeccionadas artesanalmente em acetato e metal.

Ray Liotta na campanha de 25 anos da Oliver Peoples ©Reprodução

A relação com as celebridades vai além das parcerias e das ruas: a campanha que comemora os 25 anos da Oliver Peoples, por exemplo, é estrelada por ator Ray Liotta, enquanto Elijah Wood apareceu nos anúncios publicitários da temporada de Primavera/Verão de 2010. Em 2011, aliás, a marca lançou ainda uma linha totalmente inspirada em Gregory Peck, protagonista dos filmes “A Princesa e o Plebeu”, de 1953, e “O Sol É Para Todos”, de 1962.

De acordo com a biografia publicada em seu site, a Oliver Peoples surgiu do sonho dos irmãos Dennis e Larry Leight de abrir uma ótica na famosa Sunset Boulevard, em Los Angeles. Segundo sua assessoria no Brasil, boa parte das armações é produzida na Itália; as superfícies arredondadas, característica dos modelos da marca, rementem ao músico Buddy Holly e à estética dos anos 1950. Já as lentes, incluindo opções foto-cromáticas e polarizadas, são exclusivas e, quando embaçadas, exibem os símbolos da Oliver Peoples, que lembram figuras geométricas.

Zooey Deschanel em campanha da Oliver Peoples. Os símbolos da marca estão na parte superior direita da fotografia ©Reprodução

A Oliver Peoples, que transmite em seus produtos e campanhas um lifestyle divertido e muito moderno, também investe em música, cultura e, claro, moda. A marca divulga bandas e cantores em coletâneas que disponibiliza em seu site e ainda produz vídeos, como “In the Rainbow House”, em que Devendra Banhart contracena com sua namorada, Rebecca Schwartz, e que foi dirigido por arquiteto John Lautner.

-  “In the Rainbow House”, com Devendra Banhart:

No Brasil, estarão disponíveis 17 modelos de óculos da Oliver Peoples, tanto com lentes claras quanto escuras, e seus preços variam entre R$ 830 e R$ 1.600. Em Porto Alegre, a marca já pode ser encontrada na Optica Foernges; em São Paulo, estará disponível a partir da próxima semana na loja da La Croisette, localizado no shopping JK Iguatemi.

Giorgio Armani cria figurino de Jodie Foster no filme de ficção científica “Elysium”

06/08/2013

por | Moda

Jodie Foster em cena de “Elysium” ©Reprodução

Giorgio Armani, em parceria com a figurinista April Ferry, criou os trajes usados por Jodie Foster em “Elysium”, longa-metragem Sci-Fi dirigido por Neill Blomkamp que traz Matt Damon e os brasileiros Wagner Moura e Alice Braga no elenco. A atriz, de acordo com as fotografias já liberadas do filme, aparece sempre vestindo calças e blazers em tonalidades acinzentadas ou prateadas, características que emulam uma estética futurista.

Levando-se em conta que o roteiro de “Elysium” se passa em 2154, todos os personagens possuem um figurino dominado por cores sóbrias, em geral escuras, e metalizadas. No entanto, Foster, que interpreta Delacourt, secretária da estação espacial que dá nome ao longa-metragem e onde vivem os bem-afortunados que deixaram a Terra, então em ruínas, é uma exceção: suas roupas são limpas e bem cortadas, enquanto que as dos demais são bem simples.

Jodie Foster em cena de “Elysium” ©Reprodução

Armani contou ao “WWD” que foi “um privilégio” colaborar com o filme e, mais ainda, vestir sua “velha amiga Jodie Foster”, adicionando: “Ela continua a ser uma de minhas atrizes preferidas. Admiro seu trabalho, seu talento e sua vida”. Ele também desenvolveu parte do figurino de “Paranoia”, que, no Brasil, estreia apenas no final de outubro. O thriller, dirigido por Robert Luketic, tem Amber Heard, Gary Oldman e Harrison Ford no elenco.

+ Assista ao trailer de “Elysium”, dirigido por Neill Blomkamp:

Carine Roitfeld convoca Karl Lagerfeld para editorial sobre a diversidade feminina

05/08/2013

por | Moda

Dakota Fanning e Gabourey Sidibe no editorial “Singular Beauties: An Homage to the Diversity of Women” ©Karl Lagerfeld/Reprodução

A edição de setembro de 2013 da “Harper’s Bazaar” americana traz, pela terceira vez, um editorial idealizado por Carine Roitfeld, apontada há 10 meses como diretora global de moda da revista, que pertence à Hearst Magazines International. O ensaio, intitulado “Singular Beauties: An Homage to the Diversity of Women”, é fotografado por Karl Lagerfeld e traz as atrizes Scarlett Johansson, Dakota Fanning e Gabourey Sidibe, além das modelos Karen Elson, Lily Donaldson e Liberty Ross.

Para o editorial, Carine convidou mulheres de diferentes idades, nacionalidades e tamanhos para, como o título já adianta, homenagear a diversidade da beleza feminina. Johansson, chamada pela “Harper’s Bazaar” de “Marilyn [Monroe] moderna” abre o ensaio vestido um look todo da Prada; a ela seguem-se Liya Kebede, de Givenchy, e Linn Arvidsson, de Valentino. A ex-modelo Carmen Dell’Orefice, de 82 anos, aparece de Ricky Owens com seus cabelos brancos, enquanto a cantora Grimes surge jovial de Saint Laurent.

“O entusiasmo e o olhar de Carine sobre a moda refletem a grande tradição da ‘Harper’s Bazaar’”, apontou Justine Picardie, editora da versão britânica da revista. A edição de setembro chega às bancas nesta terça-feira (06.08).

+ Veja abaixo mais imagens do editorial “Singular Beauties: An Homage to the Diversity of Women”:

Harper's-Bazaar-setembro-2013-Karl-Lagerfeld-Scarlett-Johansson-Zoe-Kravitz
©Karl Lagerfeld/Reprodução
Scarlett Johansson e Zoe Kravitz no editorial ''Singular Beauties: An Homage to the Diversity of Women''

Mostra em Londres traz retratos de Coco Chanel feitos pela artista plástica Marion Pike

05/08/2013

por | Moda

Marion Pike e Gabrielle “Coco” Chanel ©Reprodução

A London College of Fashion (LCF), que integra a University of the Arts, em Londres, inaugura no dia 5 de setembro a exposição “Coco Chanel: A New Portrait by Marion Pike, Paris 1967-71”. A mostra reúne retratos de Gabrielle “Coco” Chanel pintados pela artista plástica americana Marion Pike e, assim, também explora a amizade entre ambas.

De acordo com o jornal britânico “The Telegraph”, Chanel e Pike se conheceram em 1967, ano em que a artista plástica passou seis meses vivendo em Paris. Apesar de Chanel ter se recusado a posar para Pablo Picasso, ela permitiu ser retratada por Pike, mais conhecida pela pintura que fez de Ronald Reagan, ex-presidente dos Estados Unidos, para a capa da revista “Time”, em 1966.

Gabrielle “Coco” Chanel  retratada por Marion Pike ©Reprodução

Elas se tornaram muito amigas e Pike, inclusive, costumava ser vista usando peças criadas por Chanel, que a presenteava. A mostra, além dos quadros emprestados à London College of Fashion por Jeffie Pike Durham, filha da artista plástica, traz vestidos, alguns até de alta-costura, e cartas. “Coco Chanel: A New Portrait by Marion Pike, Paris 1967-71”, que tem curadoria de Amy de la Haye, fica em cartaz até o dia 16 de novembro.

“Coco Chanel: A New Portrait by Marion Pike, Paris 1967-71” @ Fashion Space Gallery, na London College of Fashion
De 5 de setembro a 16 de novembro
John Princes Street, 20, Londres, W1G 0BJ

+ Veja abaixo mais da mostra “Coco Chanel: A New Portrait by Marion Pike, Paris 1967-71” :

London-College-of-Fashion-Coco-Chanel-Marion-Pike-2
©Reprodução
Marion Pike

Walter Rodrigues desenvolve coleção de festa para Alcaçuz; veja os croquis

02/08/2013

por | Moda

Croquis da coleção de Walter Rodrigues para a Alcaçuz ©Divulgação

Walter Rodrigues idealizou uma coleção de roupas de festa para a temporada de Primavera/Verão 2013/14 da Alcaçuz. De acordo com o estilista, as peças que criou possuem “elegância, formas longilíneas e fluidez” e a cartela de cores e os tecidos foram “a principal inspiração”.

A coleção é, em sua maioria, composta por vestidos, que vão dos longos aos curtos, todos produzidos em tecidos como crepe, organza, georgette de seda, zibeline e renda, e com aplicações artesanais de bordados e pedrarias. Quando às cores, estão presentes tons como off-white, cinza claro, nude, preto, vermelho, oliva, pistache, verde bandeira, terra cota e azul marinho.

Croquis da coleção de Walter Rodrigues para a Alcaçuz ©Divulgação

Sobre o convite para colaborar com a Alcaçuz, Walter comentou: “Este exercício se transformou em um delicioso passeio com Xênia [Mozzaquatro, dona da marca] e sua adorável equipe de criação”. A coleção será lançada no dia 28 de agosto em São Paulo; a média de preços das peças é de R$ 3.500.

Em setembro de 2012, Walter anunciou o fechamento de sua marca homônima e, consequentemente, sua saída do line-up do Fashion Rio.

+ Projeto orientado por Walter Rodrigues mapeia identidade de moda do sul do país

Croquis da coleção de Walter Rodrigues para a Alcaçuz ©Divulgação

+ Assista ao vídeo promocional da parceria entre Walter Rodrigues e a Alcaçuz

Vencedora do Movimento HotSpot fala de seu projeto, que une design e sustentabilidade

02/08/2013

por | Verde

As embalagens “Bodiá”, idealizadas por Manuela Yamada ©Reprodução

Manuela Marçal Yamada, 24 anos, formada em Desenho Industrial pela PUC-RJ, foi a grande vencedora da categoria “Ideia” do Movimento HotSpot. A premiação aconteceu nesta quarta-feira (31.07) no Memorial da América Latina, em São Paulo. Ela, que é natural do Rio de Janeiro, idealizou embalagens biodegradáveis confeccionadas em fibra de coco e polvilho, a que deu o nome de “Botiá”.

Em conversa com o FFW, Manuela revelou que as embalagens “Botiá”, que, por sinal, são de baixo custo e facilmente moldáveis, surgiram de um projeto solicitado pela faculdade, empreendido por ela e pela colega Natália Bruno há quase três anos. “Recebemos um tema para trabalhar: feiras livres e itinerantes de alimentos, as chamadas feiras de rua. Uma das coisas que mais chamou nossa atenção foi a quantidade de resíduos sólidos que sobravam, sobretudo coco”, contou.

Manuela Yamada ©Reprodução

Muito interessada por pesquisa, em especial voltada ao desenvolvimento de produtos, Manuela disse que logo descobriu que algumas pessoas já utilizavam fibra de coco com resina de base vegetal, conhecida como resina de mamona, mas que tal material era caro. “Resolvemos investigar como poderíamos fazer um compósito usando componentes biológicos; aí chegamos ao amido. Foi acontecendo de maneira empírica, fizemos muitos testes. Quando vimos que deu certo, investimos nesse caminho”. Sozinha, ela decidiu usar o projeto como base de sua monografia: “Ainda faltavam muitas questões para serem aprofundadas”.

Manuela comentou que se inscreveu no Movimento HotSpot há quase um ano e meio e seu projeto evoluiu ao longo do concurso, organizado pela Luminosidade. O prêmio, segundo ela, vai ser utilizado na compra de maquinário para aumentar e, consequentemente, baratear a produção das embalagens “Botiá”, que emulam ninhos, protegem os alimentos moldando-se a eles. Se (ou quando) descartadas, inclusive, podem ser enterradas ou até servir como decoração.

As embalagens “Bodiá”, idealizadas por Manuela Yamada ©Reprodução

Atualmente trabalhando no escritório de design Matéria Brasil, localizado no centro do Rio de Janeiro e bastante ligado a projetos de cunho sustentável, Manuela pretende “desenvolver ao máximo possível” as embalagens que idealizou e, quem sabe, lançá-las em parceria com alguma marca de grande porte que tenha as “mesmas premissas”. Quanto ao momento em que foi anunciada vencedora, ela disse simplesmente: “A ficha ainda não caiu”.

+ Veja a lista completa de vencedores da 1ª edição do Movimento HotSpot