Retrofit – o neocool

29/07/2010

por | ECOSTYLE

Para quem quer viver da forma mais confortável, moderna, saudável, e ainda ser [muito] admirado, educar o pensar é a grande dica.
Aos que têm a sorte de lidar com construções antigas, a adesão ao Retrofit é tudo, porque é um processo não de restauração, nem de reforma, mas sim de revitalização de espaços.
Se antes, na hora de decorar ou construir, se optava pela ruptura do velho em favor do novo, com a compreensão desse movimento, os proprietários e profissionais da área, agora usam e abusam das técnicas milenares com inovações, aproveitam ao máximo a luminosidade natural, reaproveitam sobras de construções, implantam novas idéias de bioconstruções [como o telhado vivo], e mais, muito mais, já que no Retrofit tudo o que é sustentável é amplamente considerado: alterações meteorológicas, conhecimento histórico, cultura ambiental, postura social, consumo consciente com baixo custo, harmonia estética, e, obviamente, a conservação da fachada original do imóvel.
Em resumo, o Retrofit é incrível, absolutamente funcional, pois permite a revitalização de projetos arquitetônicos de épocas passadas, com a aplicação de tecnologias avançadas, eficiência e praticidade em instalações elétricas e hidráulicas, o mix de produtos com design não só arrojado como responsável, e ainda, o reuso de materiais. Outra supervantagem dele, é a readequação de prédios em áreas aonde não é mais possível construir, como grandes centros.
Cidades onde estive recentemente, como Ouro Preto e Buenos Aires, são exemplos perfeitos do imenso potencial desse processo essencialmente [e deliciosamente] personalizado. Definitivamente neocool.

@ecostylemonica

Ouro Preto - Minas Gerais

Ouro Preto - Minas Gerais | Foto: Cael Horta

Ouro Preto - Minas Gerais

Ouro Preto - Minas Gerais | Foto: Mônica Horta

Buenos Aires - Argentina

Buenos Aires - Argentina | Foto: Mônica Horta

Buenos Aires - Argentina

Buenos Aires - Argentina | Foto: Mônica Horta

Buenos Aires - Argentina

Buenos Aires - Argentina | Foto: Mônica Horta

Minas, um estado de espírito

28/04/2010

por | ECOSTYLE

Minas Trend já é megamotivo para fashions bambambãs darem uma esticada a Belo Horizonte, que é absolutamente encantadora. Mas Minas tem muiiiiiiiiiito mais a mostrar. Aos apreciadores da arte e “ecostylists”, que quiserem estender seu prazer, [depois de se emocionarem com um show da Bethânia, e tudo o mais que a curadoria de um evento de moda por Ronaldo Fraga pode proporcionar], vale dar uma esticada a Inhotim, [saiba mais] que fica em Brumadinho, a 60 km de BH. Eis um passeio memorável. Garanto. Veja um pouco das incríveis obras de grandes artistas que têm lá: